Placa-mercosul2-1110x685

Placa-mercosul2-1110x685

O Ministério da Infraestrutura fará mudanças nas regras para o modelo unificado da placa Mercosul no Brasil, atualmente praticado em sete estados (RJ, AM, BA, ES, PR, RN e RS), após confirmar sua continuidade, no mês de maio. O prazo para os demais estados implantarem o novo modelo se estenderá até 31 de dezembro de 2019.

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) finalizou o estudo técnico que avaliou as características do padrão azul e branco e o processo para a sua emissão, como também o nível de segurança na identificação do veículo, com o intuito de diminuir os riscos de clonagem.

A proposta do Governo prevê que a placa Mercosul seja adotada exclusivamente em veículos zero km, no primeiro licenciamento. Ou ainda em situações extraordinárias, tais como furto, roubo ou dano. Desta maneira, a mudança de placa não será obrigatória à transferência de proprietário, de município ou estado, nem na troca de categoria do veículo.

Compartilhe